CONHEÇA MAIS A RESPEITO DA FITA ALUMINIZADA

A fita de alumínio, também conhecida como fita aluminizada, foi desenvolvida em meados de 1888. Ela foi disponibilizada no mercado norte americano em 1913, porém ela só foi tornar-se verdadeiramente popular durante a Segunda Guerra Mundial, quando era usada para proteger e vedar embalagens, capacitores elétricos e outros itens que necessitavam de isolamento.

Após a guerra, esse item tornou-se disponível para uso comercial.

A partir disso, caiu nas graças da construção civil e passou a ser usada para uma infinidade de aplicações (vide parágrafo seguinte para mais detalhes).

Algumas de seus principais atributos são:

  • Forte aderência;
  • Grande resistência ao cisalhamento e às altas temperaturas (inclusive à chama);
  • Excelente maleabilidade
  • Ótima condutividade térmica;
  • Versatilidade;
  • Adaptabilidade.

PRINCIPAIS USOS DESSA FITA

Conforme mencionado, a fita aluminizada é um material extremamente versátil. Ela pode ser utilizada para uma série de tarefas, inclusive:

  • Selagem e acondicionamento de canos;
  • Fixação e isolamento de placas ou jaquetas contra umidade e vapor;
  • Fixação de serpentinas e/ou bobinas de refrigeração de geladeiras, freezers, dutos de ar condicionado e afins;
  • Reflexão e dissipação de calor em ambientes expostos a grande incidência solar, tal qual telhados, por exemplo;
  • Reparo e manutenção de aeronaves e navios.

FICOU INTERESSADO? FALE CONOSCO!

A maior parte das pessoas que trabalha com construção civil irá, uma hora ou outra, acabar utilizando esse tipo de fita para alguma finalidade, afinal ela é extremamente eficiente e versátil.

Se você está precisando desse ou de outros produtos, antes de comprar em qualquer outro lugar, consulte a Distel; contamos com um portfólio amplo e diverso, com uma série de produtos que podem ajudá-lo a solucionar as mais diferentes situações que você encontra ao construir ou reformar.

Comentários

Perguntas realizadas para: "CONHEÇA MAIS A RESPEITO DA FITA ALUMINIZADA"

  Mostrar Comentários

Ainda não temos nenhum comentário para este artigo.
Seja o primeiro utilizando o formulário abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categoria

Últimas Publicações

Solicite um Orçamento