Geralmente a escolha do telhado e das telhas é a última coisa que os construtores param para analisar, talvez aconteça pelo fato de estarmos falando da cobertura, do último estágio de uma construção. Será? O ideal seria que toda construção, incluindo o telhado, já fosse definida antes mesmo de abrir o primeiro alicerce, desta maneira é possível calcular as inclinações perfeitas para um telhado bem construído.

Abaixo alguns pontos que não podem passar despercebidos na escolha da telha:

  • A inclinação informada pelo fabricante deve ser levada em consideração, caso seja feita incorretamente, para mais ou para menos, pode comprometer a estrutura e o bom funcionamento do telhado. Sem mencionar a possibilidade de vazamento ou de serem arrancadas pelo vento.

  • As telhas precisam ter a aprovação da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT)

  • Observar se a telha escolhida ou desejada combina com a estrutura do telhado.

  • A durabilidade e resistência do telhado é resultado da qualidade dos produtos que o compõem.

Qual tipo de telhado é melhor?


Cerâmica

São as mais conhecidas e mais utilizadas em residências, sua matéria prima é o barro. As vantagens desse tipo de telha são muitos, além de bonitas, são ótimas em termos de vedação, além de seu conforto térmico.

No caso das telhas de cerâmica, melhor optar pelas telhas que possuem revestimento sintético, que possuem maior durabilidade e oferecem melhor proteção. Mas existem as telhas naturais, sem qualquer revestimento, e as esmaltadas com proteção de fábrica.

As vitrificadas são as mais utilizadas pelo fato de evitar a proliferação de bactérias, sujeira ou fuligem. E existem outros modelos, como as francesas, coloniais, portuguesas, romanas e etc.

Concreto

As telhas de concreto são muito procuradas no mercado pelo fato de não terem a necessidade de uma estrutura de madeiramento complexa, o que as torna atrativas para as pessoas que querem economizar um pouco em seu imóvel. São telhas com ótima duração e com um conforto térmico que não deixa a desejar.

Esse é um tipo de telha que necessita de manutenção anual por ser mais suscetível à umidade, também se faz necessário aplicar algum tipo de esmalte, já que ela não recebe esse tipo de cuidado de fábrica. As telhas de cimento possuem diversas opções de cores e também outros formatos que não são disponíveis nas telhas de cerâmica.

Fibraciamento (Amianto)

É um tipo de telha mais barato, contudo, não possui uma vida útil muito longa e também não contam com conforto térmico satisfatório. Algo bom nesse tipo de telha é que podem ser utilizadas em coberturas com pequena inclinação. São comumente utilizadas em comércios, indústrias, galpões e coberturas de edifícios. A fixação desse tipo de telha é por parafusos, o que as torna muito firmes e resistentes ao vento.

Metálicas

As telhas metálicas são perfeitas para a cobertura de grandes vãos pelo fato de que apenas uma delas pode chegar ao comprimento de quatro metros. Para galpões é a mais indicada, porém não possui nenhum conforto térmico.

Ecológicas

As telhas ecológicas são muito procuradas no mercado, sua produção é feita à base de fibras naturais recicladas, tais como fibras de madeira, bananeira, sisal ou coco. Também é utilizado betume, uma resina especial, e pigmentos para uma melhor produção e também proteção contra raios UV. Além das telhas acima, ainda existem telhas ecológicas produzidas com asfalto, papel reciclado ou resina. Independente do método de utilização, todas devem ser aprovadas pela ABNT.

Cuidados para que as telhas não sejam arrancadas pelas ventanias

É comum que nas épocas de ventos fortes algumas telhas sejam arrancadas pela força do vento. Alguns profissionais justificam dizendo que seria devido à força do vento, entretanto, não é a resposta mais válida. Uma telha bem fixada e presa à estrutura pode sim resistir. Esse problema ocorre na maioria dos casos em telhados construídos com materiais de baixa qualidade, sem ter cada telha com suas bordas fixadas.

Quais tipos de telha podem aquecer mais o interior?

As telhas que mais conduzem calor são as metálicas, de amianto e zinco, por isso é importante escolher telhas de cores claras ou até mesmo pintá-las. O forro também pode garantir um interior mais quente, em residências sem alçapão é constatada uma maior incidência de calor.

Telhas e suas cores

Caso queira utilizar cores em seu telhado, opte pelas cores mais fortes, que são mais fáceis de combinar. Porém, as telhas claras refletem melhor o calor do sol e não retém tanto o calor. As telhas mais comuns utilizadas são as de tom de barro ou pinhão, que combinam muito bem com diversas cores e ainda não deixam transparecer a sujeira acumulada.

Compartilhe

Faça uma pergunta
0 Perguntas
Pergunta:

*
Solicite um orçamento Sem compromisso