As telhas ecológicas são fabricadas a partir de fibras vegetais ou de materiais reciclados como: fibras de papel, fibras de eucalipto, pinho e não madeiras, como: sisal, coco, bananeira que são utilizados como reforço para materiais a base de cimento. As telhas ecológicas vem conquistando um grande espaço entre as telhas tradicionais por serem ecologicamente corretas, o que combina muito com a necessidade de preservação da natureza.

As telhas ecológicas, em sua composição, são impregnadas de betume, pigmentadas para se alcançar a cor desejada e logo depois, são protegidas por uma resina especial que, além de oferecer proteção contra os raios UV, evita escamação da superfície, normal nas telhas multicamadas. Outras telhas são combinações de papéis reciclados, resina e asfalto. Mas foi com a implementação da fibra que esse tipo de produto alcançou e tem alcançado seu espaço.

As telhas ecológicas devido a sua fabricação e materiais utilizados apresentam melhor dinamismo em situações climáticas preocupantes, como: chuvas de granizo. Além de sua durabilidade, devido a sua fabricação, essas telhas não prejudicam a saúde como as telhas tradicionais, para quem não sabe, as telhas fabricadas com amianto ou asbesto são prejudiciais ao sistema respiratório podendo causar até mesmo câncer.

As telhas ecológicas possuem algumas características peculiares que garantem seu sucesso e seu emprego. São mais leves que as tradicionais, o que ajuda a economizar na estrutura para montá-la, são resistentes, impermeáveis, de fácil manuseio, possui baixa transmissão acústica/térmica, anticorrosão, em geral, as telhas ecológicas são 10% mais caras que as telhas tradicionais, contudo, compensa devido a economia na estrutura como mencionado.

Compartilhe

Faça uma pergunta
0 Perguntas
Pergunta:

*