COMO CONSTRUIR SUA PRÓPRIA ESTUFA NO MEIO DA CIDADE?

COMO CONSTRUIR SUA PRÓPRIA ESTUFA NO MEIO DA CIDADE?

Ao longo dos últimos anos aumentou consideravelmente o número de pessoas que prefere consumir alimentos orgânicos, ou seja, que não são cultivados com agrotóxicos ou outros tipos de produtos nocivos.

Com isso, é natural que tenha aumentando a oferta desse tipo de produtos nas feiras, mercados e afins.

Ainda assim, se você deseja comer bem e ter pleno conhecimento daquilo que está ingerindo, nada como ter sua própria estufa. Parece impossível? Pois saiba que é mais fácil do que parece. Confira!

É POSSÍVEL TER UMA ESTUFA NA CIDADE?

Muitas pessoas acreditam que apenas quem mora no interior é capaz de ter uma estufa em casa. A verdade, no entanto, é que com os devidos cuidados é possível ter um ambiente como esse até mesmo no coração da mais pulsante das cidades.

O objetivo de uma estufa é criar um ambiente (parcialmente) fechado, no qual é possível se ter um controle maior sobre as condições climáticas. Com isso, a plantação cresce sob condições controladas, ficando protegida de intempéries, como vento ou chuva excessiva, assim como de poluição e demais fatores típicos de grandes cidades.

Dessa forma, é seguro dizer que sim, é possível ter uma estufa na cidade.

QUAIS TIPOS DE ESTUFA EXISTEM?

Uma estufa pode ser de dois tipos: elétrica ou natural.

Na estufa elétrica o ambiente é aquecido por meio da transformação de energia elétrica em térmica. Esse tipo de estufa é mais complexa e requer investimento maior.

A estufa natural, por sua vez, é a mais comum. Nela, o ambiente é aquecido por meio da radiação solar. Se você deseja uma estufa em casa, é provável que acabe optando por esse tipo de estrutura.

O QUE É PRECISO PARA MONTAR UMA ESTUFA NATURAL?

Para criar uma estufa natural será preciso controlar duas variáveis: calor e vento.

Conforme mencionado, uma estufa natural é aquecida por meio de radiação solar. Esse tipo de estufa precisa, portanto, ser feita de algum tipo de material translúcido, como uma telha ou um bloco de vidro, que permita que a luz solar entre e seja capazde reter parte do calor, aquecendo o ambiente.

O vento, por sua vez, precisa ser dosado; uma estufa precisa de certo nível de ventilação, para que a temperatura não suba demais, já que isso liquidaria as plantações, porém ela não pode ficar exposta à vento e/ou frio excessivo.

Por isso, é altamente recomendável que se coloque elementos vazados no local, haja vista que os mesmos são capazes de proteger os itens plantados de vento excessivo sem bloquear por completo a passagem de ar.

Vale ressaltar, ainda, que apesar de o calor e o vento serem as variáveis que requerem mais atenção em uma estufa, se você mora em um local no qual costuma chover bastante durante certa época do ano você precisará proteger sua plantação da chuva excessiva também.

Resumindo: para se fazer uma estufa o ideal é investir em telhas de vidro, que irão permitir boa incidência de luz solar, reter parte do calor e ainda proteger da chuva e do vento, e em elementos vazados, que ajudarão o local a ficar protegido do vento, porém não irão bloqueá-lo por completo.

PRECISA DE AJUDA? CONTE COM A DISTEL!

Montar sua própria estufa não é tarefa de outro mundo, porém ainda assim é possível que surjam dúvidas durante o processo.

Caso precise de auxílio, portanto, não hesite em contatar a Distel, uma empresa que é comandada por profissionais que tem mais de 30 anos de experiência de mercado, sendo especialista em oferecer o que existe de melhor em matéria de telhas, blocos e elementos vazados de vidro. Lembre-se: sua estufa será apenas tão boa quanto o material e a mão de obra que você utilizar nela!

Comentários

Perguntas realizadas para: "COMO CONSTRUIR SUA PRÓPRIA ESTUFA NO MEIO DA CIDADE?"

  Mostrar Comentários

Ainda não temos nenhum comentário para este artigo.
Seja o primeiro utilizando o formulário abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categoria

Últimas Publicações

Solicite um Orçamento