Para que você consiga especificar e executar telhados com maior facilidade e melhorando a qualidade do trabalho realizado, conhecer todos os tipos de telhas disponíveis no mercado é de extrema importância. Elas são essenciais no conforto térmico e na estética de um ambiente, contribuindo para a transparência, beleza, leveza e sofisticação. Mas, para que tudo isso seja empregado corretamente, você deve saber combinar os seus tipos de acordo com o custo/benefício e local onde elas serão implantadas.

Telha de Cerâmica

A telha cerâmica é, de longe, a mais utilizada no Brasil, sendo uma das mais antigas formas empregadas na cobertura de edificações, por todo o país. Conta a seu favor, o fato de proporcionarem uma ótima barreira térmica, que faz com que o local fique com o ambiente interno mais fresco que o meio externo. Por ter um peso considerável, é necessário que seja feita, previamente, uma estrutura ou engradamento de telhado, verificando, sempre, a inclinação indicada pelo fabricante.


Telha de Fibrocimento

A telha de fibrocimento é tida, por muitas pessoas, como o melhor custo/benefício do mercado. Isso, porque são resistentes e leves, necessitando, “apenas”, de um engradamento de telhado mais simples. Contudo, esse tipo de telha deve ser muito bem fixado nas terças (peças que servem de apoio para os caibros) para que as chuvas e ventos não representem grandes problemas.
São facilmente encontradas em estacionamentos, quintais, varandas, casas de campo entre outros.

Telhas Ecológicas

As telhas ecológicas são produzidas a partir de camadas de fibras vegetais, impermeabilizadas com betume e protegidas por resina. Elas são conhecidas por serem leves e por receberem pigmentação, quando presentes em cores como o vermelho, verde e preta.

A telha de concreto é uma das mais recentes, no mercado. Tem como característica o conforto térmico e a versatilidade de formas e cores disponíveis. Além disso, são impermeáveis a chuvas, diferente das telhas de cerâmica, que podem absorver um pouco de água.

Telhas de Vidro

E, por fim, as telhas de vidro, que podem proporcionar a entrada de luz, no ambiente, contribuindo para clarear o local e conferir maior aquecimento, economizando energia. As telhas de vidro são utilizadas conjugadas com as telhas cerâmicas ou as de concreto, possuindo, todas, os mesmos modelos, que variam entre colonial, americana, francesa, italiana, entre outras, para ambientes que necessitam de iluminação. Contudo, para que seu efeito seja plenamente notado, elas devem ser utilizadas em ambientes bem planejados.


Para que você consiga especificar e executar telhados com maior facilidade e melhorando a qualidade do trabalho realizado, conhecer todos os tipos de telhas disponíveis no mercado é de extrema importância. Elas são essenciais no conforto térmico e na estética de um ambiente, contribuindo para a transparência, beleza, leveza e sofisticação. Mas, para que tudo isso seja empregado corretamente, você deve saber combinar os seus tipos de acordo com o custo/benefício e local onde elas serão implantadas.

Compartilhe

Faça uma pergunta
0 Perguntas
Pergunta:

*
Solicite um orçamento Sem compromisso